quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Desenvolvimento correto da face - Por Sarah Selaimen


Minha conversa desse mês com vocês é sobre o assunto abordado no último encontro Fofoca de Mãe que aconteceu no Viva Open Mall no mês de julho – Odontologia Infantil e o desenvolvimento correto da face.

Acho importante mamães e papais estarem informados para identificar possíveis desvios de normalidade no desenvolvimento da face e arcada dentaria.

O mais importante é a criança estar dentro do padrão normal. Respirando bem pelo nariz, vivendo e dormindo com os lábios fechados, mastigando e falando bem.

A criança, desde a gestação na barriga da mamãe, já está se formando, inclusive a face e os dentes.

O primeiro trimestre da gestação requer maiores cuidados, com medicações e doenças da mamãe, fatores que possam interferir no crescimento e desenvolvimento da face devem ser evitados. Porque é nesse momento que as estruturas começam a se desenvolver, e podem ocorrer problemas de deformidade da face como o lábio leporino, fenda palatina, etc

O bebe então nasce.

O normal seria a mamãe amamentar no peito.


a sucção:
- fortalece músculos
- favorece crescimento correto dos ossos da face
- Favorece correta respiração/ mastigação/ deglutição
- Fortalecimento psicológico (criança mais tranquila e menos ansiosa)

Muito importante que o bebe durma de boca fechada, respirando bem pelo nariz.

Sempre que vocês observarem o bebê dormindo de boca aberta, o ideal é ir até o bebe e fechar os lábios.

O processo de crescimento (hormônio do crescimento) atinge seu auge durante o sono, por isso é tão importante o dormir profundamente e respirando bem para um adequado crescimento.

Sinais que podem indicar uma respiração incorreta, pela boca:
- baba no travesseiro
- Sonolência diurna
- Falta de atenção
- Alterações crescimento do rosto.

A respiração bucal pode afetar a beleza da face e essas alterações quando não tratadas na infância, perduram por toda a vida.

O bebe então chega aos 6 meses: Mamando no peito

Higiene oral feita com gaze, primeiros dentes começam a nascer, alimentação pastosa é introduzida -
não precisa adoçar nem salgar os alimentos - com a chegada dos dentinhos, iniciamos a higiene com escova e pasta com flúor - 1 grão de arroz (ate saber cuspir) – 1 grão de ervilha (sabendo cuspir).

A sequência dos dentes não é tão importante, o importante é que seja pareada, que dentes homólogos nasçam ao mesmo tempo.

Quando a criança chega aos 30 meses, é interessante que ela já esteja com a dentadura decídua completa.

Quando estiver com todos os dentinhos, a criança não preciosa mais de papinha. Ela pode começar a mastigar!!

Os dentes e a musculatura se beneficiam do exercício.

Quanto mais ela mastigar, mais ela desenvolve essa musculatura, favorecendo o correto crescimento e deixando o rostinho mais bonito.

Precisamos observar para não deixar a criança se desviar muito da normalidade de desenvolvimento. Algum desvio sempre é normal mas a observação dos pais e muito importante.

A partir dos 5 anos, se necessário, é possível intervir com tratamento. Quanto mais cedo mais simples o tratamento e prognostico melhor!

Aparecem então os dentinhos.


Nessa fase o normal é mastigar!!!!

A boca é o início do sistema digestivo (não do respiratório) – foi feita para comer e não respirar.

-          Começamos com a introdução dos alimentos sólidos, pois agora o bebê tem dente, e deve mastigar!!

-         Observar se morde com os dentes da frente, cortando os alimentos, se mastiga dos dois lados, se não faz careta para mastigar e engolir. Essas características quando observadas, indicam desvio da normalidade.
Exemplo:
Criança comendo milho na praia/ costelinha no churrasco:
Se ela morde com os dentes da frente, é normal. Se ela come de lado pode ser que os dentes da frente não estejam sendo usados. Pode indicar que essa criança use muito a chupeta ou tem o habito de chupar o dedo. E consequentemente tem uma mordida aberta (dentes não se encostam)não permitindo a elas usar os dentes da frente para cortar os alimentos.

Importância da consulta com o Odontopediatra

A primeira consulta deve ser feita com bebe ainda na barriga,é uma consulta para a mãe, vocês vão receber muitas orientações:
-alterações que fogem da normalidade
- cuidados com a alimentação
- orientações de higiene em cada fase do bebê.

É esse profissional que vai avaliar qual a regularidade das consultas para cada bebê ou criança.


quarta-feira, 24 de agosto de 2016

7 mães mostram a realidade materna sem photoshop | ATL Girls

que a maternidade não tem muito glamour a gente sabe, mas que tal ver algumas mães gringas que criaram coragem e mostraram a realidade da maternidade sem photoshop?

hoje na minha coluna no ATL Girls da Rede Atlântida, mostrei 7 mães que quebraram os tabus e mostram que a maternidade não é tão cor de rosa assim!

clique na imagem e confira!


segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Lucca está de férias?


Na semana passada falei lá no instagram @fofocademae que Lucca iria ficar afastado da escola por um tempo e muitas pediram para que eu contasse um pouco mais sobre o porquê dessa decisão.

Demorou, mas estamos aqui!

Quem nos acompanha há mais tempo sabe que o Lucca fica muito doente no inverno. Moramos no RS e a minha casa é muito úmida também, mesmo que eu esteja sempre com o ar quente ligado para minimizar isso. Mas acordar cedo para a escola, sair no sereno, os colegas, os brinquedos trocados, enfim, muitos motivos que sempre favorecem essa seqüência interminável de gripes, otites e muito mais.

Lucca já fez duas cirurgias para colocação de dreno no ouvido e mesmo assim, continua fazendo otites (algumas bem fortes). Acompanho médico quase que diário com o otorrinolaringologista que o atende há mais de 2 anos e mesmo assim, não conseguíamos encerrar essas seqüência.

Nos últimos 5 meses, ele deve ter freqüentado a escola apenas um mês (não em dias corridos), foram febres altíssimas, muitos antibióticos e até tratamento injetável para que tudo acabasse, pois todas viam em seqüência, mal deixando com que ele se recuperasse da última medicação.

Disso, em uma dos milhares de conversar com o médico, ele me sugeriu que afastasse Lucca da escola por um período, ou então que deixasse ele por apenas um turno. 

A minha primeira decisão foi que isso não seria feito, pois sempre tentava acreditar que aquele era o último episódio de gripe ou o que quer que fosse, mas infelizmente não foi e depois de muito pensar, conversar com meus familiares, com o pai do Lucca, que decidimos afastar ele da escola por 30 dias.

30 dias para que ele fosse se recuperar de tantas medicações (ele já tomou mais antibióticos do que eu em toda minha vida) sofrimento dessas doenças e sem falar no gasto astronômico com remédios. Esperamos que no final dessas férias, o tempo já tenha se firmado e Lucca esteja preparado para encerrar mais um ano escolar.

Estou trabalhando em casa, posso ficar com meu filho e nos dias que eu tiver compromisso fora, sempre vou ter o amparo da minha família para ficar com ele e, além disso, ele tem (quase) 4 anos, é apenas uma criança, ainda podemos fazer isso sem a consequência de perder aprendizado.

Meu filho precisa desse cuidado, precisa de mais amor e carinho para que possamos encerrar de uma vez por todas essas doenças.



domingo, 14 de agosto de 2016

feliz dia dos pais meu anjo!

Escrevo essa mensagem com muitas lágrimas nos olhos, uma dor no peito de saudade e ouvindo a letra que mais traduz meu sentimento pelo meu pai!
"...Pai, pode crer, eu tô bem eu vou indo, tô tentando vivendo e pedindo, com loucura pra você renascer...", e é com a letra da música Pai, do cantor Fábio Júnior que começo essa mensagem de dia dos pais.

Muitas pessoas tem ídolos, na adolescência, nem se fala. Mas eu nunca tive isso - curtia Spice Girls, Sandy & Júnior -  mas não era aquela fã, sabe? O tempo foi passando eu fui descobrindo que meu ídolo morava dentro da minha casa.

Sempre me disseram que sou idêntica a minha mãe, na aparência e do meu pai herdei o amor e dedicação por uma profissão. Cresci dentro do amor do meu pai e vivenciei momentos inesquecíveis da sua doação pelo que acreditava ser justo.

Ele era um cara simples e honesto, com uma risada única e que hoje eu forço a memória para não esquecer disso! Muitas vezes me peguei o telefone no impulso de contar alguma grande coisa que tinha acontecido! Deitada na cama, rezando por mais um dia, me pego pensando se ele se orgulha do que estamos fazendo e que ele possa mandar muita luz para nosso caminho.


Já tive vários momentos em que fechei os olhos e tentei me teletransportar para os momentos de alegria ao lado dele, voltar a ser aquela pequena criança que corria dentro dos autódromos, orgulhosa com mais um troféu do pai nas mãos, mas pensando bem, eu, minhas irmãs, minha mãe e por algum tempo, nós que éramos os troféus dele.

As lembranças que tenho do meu pai, são de um homem trabalhador e que nos proporcionava momentos incríveis e de muita diversão. Ele se tornava uma grande criança - talvez se divertia até mais que nós.

Sabe aquela parte da música Pai do Fábio Júnior: "...Pai, eu cresci e não houve outro jeito, quero só recostar no teu peito, pra pedir pra você ir lá em casa e brincar de vovô com meu filho, no tapete da sala de estar..." me faz chorar tanto, pois eu tive a honra de ter meu pai como pai do meu filho por alguns anos e que sorte minha ter proporcionado isso ao meu filho.


Todos os dias nas minhas orações, fecho os olhos e peço que Deus e meu pai se mantenham ao meu lado, do Lucca e da minha família, pois meu pai sempre foi muito religioso e muito protetor, então peço que de onde ele estiver, continue olhando por nós.

A saudade é uma coisa que não passa, nunca, mas a gente aprende a conviver com ela, mas alguns dias tudo transborda e não é fácil segurar as lágrimas. Sei que ele não quer nos ver sofrendo, mas sempre tem algum dia que a saudade bate mais forte. A saudade toma outra forma depois que você perde alguém que você admira e ama tanto!

Se algum dia nessa vida, eu pudesse fazer apenas um desejo, podendo escolher o que eu quisesse, sem dúvida, meu pedido seria ter meu pai de volta. Aquele sorriso, aquela alegria de viver, a sua paixão pelo automobilismo, a proteção com a nossa família, aquelas manias malucas de comer pão com nata, banana e açúcar. Sem dúvida, seria meu único pedido!


Tenho consciência que dei a maior decepção para meu pai, a minha gravidez foi um grande baque na nossa parceria e na confiança que ele tinha em mim, mas sem dúvidas, poder ter dado a ele um neto, um menino na sua vida, foi sua maior alegria. Era nítido em seu olhar o amor imenso que ele sentia (e sente) pelo Lucca.



Minha vida não teria sentido se eu não fosse filha desse homem, foi ele que me ensinou a levar uma vida pensando no agora, aproveitando as pequenas coisas da vida. A paixão por uma profissão e fazer dela a sua vida, sendo isso bem remunerado ou não. Ah pai, eu só queria te dar mais um abraço!

Assisti uma reportagem essa semana de pessoas deixando recados para seus pais, dizendo coisas que nunca haviam dito para seus pais, eu nunca deixei de dizer o quanto me orgulhava e amava ele, me arrependo de não ter dito mais, de não ter dito mais isso antes de ele partir.


Tem dias que me arrependo de não ter visto meu pai antes de partir, mas em outros me conforto pois a minha última imagem dele, foi dele dizendo que tudo ficaria bem e não de alguém ligado aos aparelhos de uma UTI.

Hoje no dia dos pais, eu daria tudo para ter ele aqui com a gente, celebrando a família, celebrando o amor que ele tinha por todos nós, mas eu sei que de onde ele estiver, ele está nos iluminando, nos mandando boas vibrações, nos protegendo como sempre fez.

Pai, queria não desabar enquanto escrevo essa mensagem, mas eu ainda não aprendi a viver sem ter você aqui. Tu deixava as coisas mais leves, mais alegres e isso faz falta. Ouvir tu dizendo: "vai ficar tudo bem" sempre acalmava meu coração. Independente de onde tu estiver pai, hoje é teu dia e mais que ninguém tu merece essa homenagem.

Meu coração dói sempre, mas ele nunca deixou de te amar, nem por um instante!

Feliz dia dos pais meu herói, tu é e sempre será O cara!




sábado, 13 de agosto de 2016

Perfil no Instagram faz sucesso por reunir DILFs, a versão masculina das MILFs


olhar não tira pedaço não é? que tem pai lindo por aí!

pensando nisso foi criado o perfil no instagram Dilfs of Disneyland, que mostra os pais atraentes que passeiam com seus filhos pelos parques.
para quem não sabe MILF's é a sigla em inglês para denominar as mães com que se gostaria de... é... "namorar". aí então os DILF's é a versão masculina disso!
então já que o perfil está lá para isso, por que não apreciar né? HAHAHAHA

vou dizer que a tarefa foi beeeem difícil de escolher alguns, mas aproveite o colírio!










mas é bonito esse parque, não é? HAHAHAHAHA