Toda mãe falha!

junho 06, 2017


Ser mãe é a coisa mais complicada que pode existir na vida de uma mulher, mas também uma das mais prazerosas.

Vivemos em uma montanha russa diária, esperando qual vai ser a próxima travessura/birra/escândalo dos nossos filhos e pra quem está dentro dessa situação, ok, mais uma para a conta, mas para quem está de fora, acham que somos péssimas mães, ou que não somos firmes o suficiente, enfim, olhar com cara de reprovação é o que mais fazem.

Assumo que em alguns pontos deixo a desejar na maternidade. Queria ser melhor em algumas coisas, mas não sou, e confesso que muitas vezes nem quero ser.

Sabe aquela certeza de saber que nasci para ser mãe ao ver meu filho pela primeira vez? Pois é, isso não aconteceu comigo.

Sou aquela mãe que viu o amor materno nascer dia após dia e que hoje tem certeza que nasceu para ser mãe. Mãe do meu filho.

Não fui aquela mãe que sabia identificar o choro do meu filho (na verdade, até hoje não sei). Sou aquela mãe que não consegue se manter tranquila em saber que está doente, mas confesso que já deixar de dar o remédio por simples e puro cansaço.

Sou a mãe que fica acordada a noite toda preocupada com a febre que insiste em não baixar. Posso não ser a mãe que eu talvez um dia sonhei em ser, mas sou a melhor mãe que meu filho poderia ter.

Eu canso, eu choro, me irrito, perco a paciência, mas todos os dias luto para dar o melhor para meu filho.

Posso não ser aquela mãe que sonhei, mas quando meu filho adormece feliz depois de um longo dia de brincadeiras, ou então quando ele diz: “mãe, eu te amo assim oh (mostrando seus dez pequenos dedinhos)” eu tenho certeza que estou fazendo um ótimo trabalho como mãe do meu filho.

Talvez você tenha me visto em um momento ruim, e por isso pensa que sou um total fracasso, a pior mãe do mundo. Pouco importa. A vida não é perfeita, ninguém é. Um momento, ou um dia, não define ninguém.

Eu falho, não tenho vergonha de dizer isso e pra te ser bem sincera, as coisas ficam muito mais fáceis quando a gente assume isso!

Toda mãe falha e não tem nada de errado nisso!

You Might Also Like

0 comentários